sexta-feira, 7 de setembro de 2012

Conformação vs. configuração



Antes de começar a colocar posts sobre os diferentes tipos de isómeros, vou dedicar um post a um aspeto que é muito importante quando se estuda a isomeria das moléculas. Apesar da sua grande importância, é um assunto por vezes confuso… Estou a falar da diferença entre conformação e configuração. :)
Estes dois conceitos são muitas vezes usados indistintamente, mas representam coisas bem diferentes. Conformação diz respeito à orientação espacial relativa de uma parte de uma molécula em relação a outra. Ou seja, é um aspeto que não está diretamente relacionado com as ligações covalentes que se estabelecem dentro da molécula, mas sim com a possível rotação das mesmas.
Quando falamos em rotação em torno de ligações covalentes, estamos apenas a referir as ligações simples, pois são só essas que podem sofrer rotação. Basicamente este conceito é facilmente entendido se pensarmos que as ligações funcionam como um eixo…


É importante referir que quando se fala em diferentes conformações não temos que necessariamente rodar todas as ligações covalentes de uma molécula, pode ser apenas uma parte da mesma.
Concluindo, é possível converter uma conformação noutra sem clivar ou formar ligações químicas, bastando para isso rodar determinadas ligações covalentes simples.

A configuração é um conceito que diz respeito à ordem pela qual diferentes substituintes, ligados a um mesmo átomo central, estabelecem ligações covalentes. Ou seja neste caso trata-se claramente de um aspeto que é uma consequência direta do esqueleto covalente das moléculas.

Para se mudar a configuração, é sempre obrigatório clivar e formar novas ligações covalentes…


Em conclusão, o conceito de conformação engloba porções de uma molécula que não estão diretamente ligadas ao mesmo átomo e não envolvem o esqueleto covalente das moléculas, enquanto a configuração relaciona partes da molécula que estão ligadas a um mesmo átomo, havendo por isso um envolvimento direto do esqueleto covalente da mesma.

8 comentários:

  1. Respostas
    1. Olá Raysa,

      de nada, fico feliz por saber que gostaste do post! :)

      Eliminar
  2. Extremamente útil, explicação claríssima!

    ResponderEliminar
  3. Respostas
    1. Olá Juliana,

      obrigado pelo comentário.

      Volta sempre! :)

      Eliminar
  4. Muito bom o post, parabéns! Mas estou com uma dúvida. O q leva a molécula a rotacionar? Quero dizer, o q faz com que a molécula ou parte dela faça rotações na ligação sigma?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Gracielle,

      isso deve-se às interações dos fotões com os eletrões, o que desvia o plano de rotação.

      Volta sempre! :)

      Eliminar